MENU

1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 |

Livro: Matityahu - Mateus Cap: 3

1 Naqueles dias apareceu Yochanan o imersor, pregando no deserto de Yehudah,
2 e dizendo: Arrependei-vos, porque está próximo o malchut dos céus.
3 Porque este é o referido pelo navi Yeshayahu, que diz: Uma voz do que clama no deserto: Preparai o caminho para ETERNO, endireitai os seus caminhos.
4 Ora, Yochanan usava uma veste de pêlos de camelo e um cinto de couro em torno de seus lombos; alimentava-se de alfarroba e mel silvestre.
[#23197] 5 Então iam ter com ele Yerushalaim, toda a Judéia e toda a circunvizinhança do Yordan,
6 e eram por ele imergidos no rio Yordan, confessando as suas transgressões.
7 Mas, vendo ele que muitos dos parushim e saduceus vinham a sua imersão, disse a eles: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira vindoura?
8 Produzi, frutos dignos de arrependimento;
9 e não penseis em dizer entre vocês mesmos: Temos por ábba a Abraham; porque eu digo para vocês que destas pedras ELohim pode suscitar filhos a Abraham.
10 E também já está posto o machado à raiz das árvores; por conseguinte, toda árvore que não produz bom fruto é cortada e lançada no fogo.
11 Eu, na emet, vos batizo com água, para arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu, cujas sandálias não sou digno de levar. Ele vos imergirá com o Ruach do Santo e com fogo.
12 A sua pá ele tem na mão, e limpará completamente a sua eira; recolherá o seu trigo no celeiro, mas queimará a palha em fogo inextinguível.
13 Então veio Yeshua da Hagalil ter com Yochanan, junto ao Yordan, para ser imergido por ele.
[#23206] 14 Mas Yochanan o impedia, dizendo: Eu é que preciso ser imergido por ti, e tu vens a mim?
15 Yeshua, porém, lhe respondeu: Consente agora; porque assim nos convém cumprir toda a justiça. Então ele consentiu.
16 [Texto inexistente nos mais antigos e melhores manuscritos]
17 [Texto inexistente nos mais antigos e melhores manuscritos]


Comentários:

ID Passagem
23206 Matityahu - Mateus 3 : 13
1 - "ser imergido por ele": O ato da imersão
_______________________________
23197 Matityahu - Mateus 3 : 4
1 - "alfarroba" - A alfarrobeira é extensamente cultivada em terras litorâneas do Mar Vermelho e é comum na Palestina, ao norte de Hebrom. As bolotas com as quais o “Filho Pródigo? alimentava os porcos eram as alfarrobas, conforme Lucas 15:16. Há algumas evidências que favorecem a ideia de que os gafanhotos usados por João eram vegetais. É bom ainda saber de evidências seguras indicando que o inseto “gafanhoto? é muito pobre como alimento, portanto incapaz de sustentar uma vida humana. Entre os primeiros a contestarem a ideia de que a dieta de João Batista incluía gafanhotos (insetos) estiveram os ebionitas, um grupo de judeus cristãos da Síria, que, como os essênios, eram um tanto ascéticos e advogavam uma dieta vegetariana. Creem alguns estudiosos que os ebionitas substituíram em seus manuscritos acrides (gafanhotos) por ecrides (bolos). Esta substituição teria sido feita em harmonia com seus princípios dietéticos. Os pais do cristianismo de origem grega, que tinham melhor conhecimento do uso do grego bíblico, não concordavam que acris em Mateus e Marcos indicasse o inseto. Muitos consideravam os acrides dos Evangelhos equivalentes a akrodua (frutos ou pontas dos ramos de árvores ou ervas). Em um sermão do ano 400 a.D., atribuído erroneamente a Crisóstomo, há a afirmação que João comia frutos da alfarrobeira – acridas botanôn. A expressão?acridas botanôn? é traduzida para o latim como “herbarum summitates“, significando as pontas ou brotos das plantas. Os escritores gregos e seus tradutores latinos entenderam que o termo “gafanhoto?, usado como alimento por Yochanam o imersor, se referia a um regime vegetariano.
_______________________________